Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

15 de novembro de 2010

Joe Satriani - Discografia.

Joseph "Joe" Satriani (Westbury (Nova Iorque), 15 de julho de 1956), é um guitarrista americano de rock instrumental, considerado virtuoso na guitarra. 

Com mais de 10 milhões de discos vendidos, Satriani é o músico de rock instrumental que mais vendeu discos na história. De seus vários álbuns solo, dois chegaram a disco de platina e outros quatro a disco de ouro, com 15 indicações ao Grammy entre eles. 

Sua música é tão eclética que não se pode englobá-lo num só estilo musical. Às vezes soa rock and roll, às vezes blues, progressivo, pop. Por isso, o próprio Satriani definiu seu estilo como "Joe Satriani Music". 

A revista alemã de guitarra Fuzz em sua edição de maio de 2005 fez o seguinte comentário sobre o músico: "Joe é provavelmente o guitarrista mais perfeito de rock que já existiu. Seu conhecimento de teoria musical é de deixar qualquer um desconcertado, o que lhe permite criar ritmos e solos que vão bem além das escalas do rock. Seu grande sentido de melodia é realmente o que faz ou quebra a música instrumental. A diversidade de seus álbuns são uma característica própria, pois variam: agressivo, balanço de tempo, sombrios, carregadas de blues. Joe é perfeito e fantástico, com técnica formidável, apresentando ligados e two-hands de entortar nossos cérebros. Sem dúvidas, ele revolucionou a guitarra instrumental e influenciou toda uma geração." 

Biografia.

Descendente de família italiana, Satriani, nasceu em Westbury (Nova Iorque) em 1956. Seu primeiro contato com a música foi com a bateria. Aprendeu a tocar folk, blues e jazz com o pai, tio e amigos. Foi inspirado a tocar guitarra aos 14 anos, após ouvir a notícia de que Jimi Hendrix havia morrido (ele estava jogando futebol americano, quando ouviu a notícia pelo rádio. Neste momento, ele abandonou a aula, e comunicou ao seu treinador que estava saindo do time para se dedicar à guitarra). Assim, começou a ter aulas de violão e guitarra com o guitarrista de jazz Billy Bauer, e aula musical com o pianista de jazz Lennie Tristano, que exerceu grande influência na técnica e musicalidade de Satriani. Foi nesta época que Satriani começou a excursionar na cidade de Long Island com sua primeira banda, um grupo de dança colegial chamado "Justice". 

Ainda durante seu tempo como estudante de 1os e 2os graus (ele estudou no Carle Place High School), Satriani tocou numa banda chamada "Tarsus" (que foi sua primeira banda de verdade). 

Em 1978, mudou-se para Berkeley (Califórnia), onde mais tarde iria graduar-se na renomada Berkeley Music Institute. Foi nesta época que começou a dar aulas de guitarra, e a ficar conhecido como professor. Ensinou renomados instrumentistas, tais como: Alex Skolnick (Testament), Kirk Hammett (Metallica), Steve Vai, David Bryson (Counting Crows), Kevin Cadogan (Third Eye Blind), Larry LaLonde (Primus e Possessed), Rick Hunolt (ex-Exodus), Phil Kettner (Lääz Rockit), Geoff Tyson (T-Ride), Charlie Hunter, David Turin e Eric Kauschen. 

“Sempre pensei que eu era o professor de guitarra mais sortudo de todos. Eu tinha um monte de grandes alunos. Eles tinham grande facilidade técnica, o que era muito bacana, porque eu mostrava algo novo e seis dias depois eles executavam perfeitamente.”— Joe Satriani, em entrevista dada a revista Rolling Stone, em 2014.

Com Steve Vai, teve também uma relação curiosa (que dura até os dias atuais), pois Satriani ensinou Steve a colocar cordas em uma ponte de guitarra modelo Floyd Rose.

"Quando estava em Nova Iorque, aprendi como me tornar um professor excelente porque tinha um garoto, extremamente talentoso (o futuro guitarrista Steve Vai) tomando aulas de mim. Após o primeiro ano, eu tive que trabalhar muito duro para ficar na vanguarda de ser seu professor. Ele me alcançou e nos tornamos mais como companheiros.— Satriani, sobre seu aluno Steve Vai. 

Carreira Musical.

Em 1979, montou a banda The Squares, um power pop trio formado por Satriani (guitarras e vocais), Andy Milton (baixo e vocais) e Jeff Campitelli (bateria) - este último voltaria depois a tocar com Joe. Esta banda foi importante, pois foi com ela que ele começou a fazer amizades no mundo musical. A banda, que duraria até o final de 1983, chegaria a gravar algumas poucas músicas, como "Follow That Heart", "Give It Up" e "I Love How You Love Me" (que podem ser ouvidas no Youtube). 

Em 1984 Satriani gravou o EP "Joe Satriani" contendo 5 músicas em que havia somente guitarras. Steve Vai, seu amigo e ex-aluno, consegue para Joe um contrato com a Relativity Records, e na mesma época lança seu primeiro álbum: "Not of This Earth". Com dificuldades financeiras, Satriani foi convidado por Greg Kihn para fazer parte da The Greg Kihn Band. Satriani aceitou o convite, pois isto lhe renderia uma grana. 

Em 1986, grava Love and Rock and Roll com a The Greg Kihn Band. Foi neste mesmo ano que Steve Vai, que estava em alta, por tocar com David Lee Roth, faz vários elogios a Satriani em uma entrevista dada a revista Guitar World Magazine. Esta entrevista seria de suma importância para sua carreira. 

Em 1987, Satriani consagra-se de vez como um dos músicos mais respeitados do planeta através do disco "Surfing with the Alien". Além de ter faturado vários discos de platina em diferentes países (é, até hoje, o álbum da Relativity Records que mais vendeu na história, este álbum rendeu sua primeira indicação ao Grammy. É deste álbum a canção "Crushing Day", que foi sua primeira canção a fazer parte de uma trilha sonora de filme (faz parte da trilha do filme It Takes Two, de 1988). Também é deste álbum a sua balada mais famosa: Always With Me, Always With You. 

No começo de 1988, além de ajudar a produzir o EP The Eyes of Horror da banda de Death metal Possessed, a KOME radio, da cidade de San José (Califórnia), transmitiria ao vivo para todo o país um show da turnê "Surfing with the Alien", realizado no dia 14 de abril de 1988 no Cabaret Club de San José (Califórnia) (esta apresentação seria lançada, em 2015, em CD, sob o título Surfing in San Jose - The Classic 1988 Radio Broadcast). Neste mesmo ano, ele foi recrutado por Mick Jagger para tocar em sua turnê solo de divulgação do álbum Primitive Cool. Assim, excursionou pela Austrália e Nova Zelândia, tocando com ele. Este show transmitido ao vivo pela rádio, e a turnê com o Jagger ajudaram a alavancar ainda mais a carreira do Satriani. Também em 1988, em novembro, lançou o segundo EP de sua carreira solo, intitulado Dreaming #11, contendo uma música inédita, e 3 ao vivo (gravadas durante a turnê do Jagger. Este EP recebeu a certificação de "disco de ouro" e deu a Satriani sua segunda indicação ao Grammy. Ainda no mesmo ano, a "Relativy Records" fez uma nova prensagem de “Not of This Earth”, com uma nova capa, pois o álbum já havia se esgotado, tamanho o sucesso das vendas. 

Em 1989, Satriani lançou o álbum "Flying in a Blue Dream". Esse disco se diferenciou dos anteriores pois Satriani cantava em 6 das 18 músicas contidas no álbum. O álbum foi bem aceito pelo público, e teve boa vendagem, especialmente no Texas. Ele foi fortemente promovido pela rádio KLBJ-FM, em Austin. A canção "One Big Rush", foi destaque na trilha sonora do filme de Cameron Crowe "Say Anything". "The Forgotten Part II" foi apresentado em um comercial no Canadá, em 1993. E "Big Bad Moon" tornou-se um hit do final de 1989. 

Anos 90 - MTV Unplugged, Turnê com Deep Purple e o Projeto G3.

Em 30 de janeiro de 1990 vai ao ar o programa MTV Unplugged, com Satriani e Stevie Ray Vaughan. O programa, que nunca foi lançado como álbum, foi gravado no National Video Center, em Nova York. 

Em 1992, lançou "The Extremist", seu CD mais aclamado pela crítica (sendo considerado um clássico do rock) e melhor à época. O CD logo virou uma febre, com as estações de rádio tocando exaustivamente "Summer Song", "Cryin '" e "Friends". Assim, a certificação de disco de ouro foi rapidamente alcançada. Até hoje, as canções deste álbum são muito utilizados em aberturas, vinhetas. e campanhas publicitárias. Por conta disso tudo, novamente o guitarrista é indicado ao Grammy. 

“Time Machine” (álbum duplo, com um CD de estúdio e outro ao vivo), foi lançado em 1993. Mesmo ano em que Satriani foi convidado pelo Deep Purple para substituir o guitarrista Ritchie Blackmore durante a turnê japonesa da banda. Os shows foram um sucesso tão grande que Satriani foi convidado a integrar a banda permanentemente, o que não aconteceu em razão de contrato anteriormente firmado com a Sony Music, e também por querer continuar sua carreira solo. 

"Deep Purple eram, e são, uma grande banda e funcionam como uma grande e funcional unidade de rock, e eu era um artista solo que fazia coisas das quais as pessoas gostavam. Se eu tivesse entrado, eu teria que diminuir esse meu lado pra me tornar um membro do Purple e dar a eles o tempo e o respeito que eles mereciam e eu realmente não estava pronto pra isso. E, é claro, eu estava preocupado em ter Ritchie Blackmore nos meus ombros. Eu era e ainda sou um grande fã de sua música e você realmente não pode substituir alguém como ele. Eu falei sobre isto com Steve Vai e ele disse: "Joe, se puder evitar, nunca entre em uma situação onde você estiver substituindo alguém famoso, onde os fãs e os jornalistas estarão sempre lhe comparando com o outro cara." Então parece que foi a escolha certa. Eu apenas não era o cara que devia integrar o Deep Purple." — Joe Satriani, em março de 2008, sobre a escolha da carreira solo, em detrimento a carreira como guitarrista do Deep Purple. 

Mas antes de sair da banda, ainda chegou a participar da turnê europeia realizada pela banda em 1994, fazendo seu último show em julho, na Áustria. Após este concerto, Satriani deixou o Purple e o lugar para Steve Morse, que seria o guitarrista até os dias de hoje. Também em 1993, o EP The Satch Ep é lançado. O Vinil deste EP é extremamente raro, uma vez que foram prensadas apenas 1.000 cópias. Ainda em 1993, o documentário The Satch Tapes é lançado em VHS, contendo os vídeo clipes de sua carreira até então, desde o álbum Surfing with the Alien até o The Extremist. Este documentário foi relançado em 2003, em formato de DVD. 

Para finalizar o ano de 1993, a coletânea The Beautiful Guitar é lançada, contendo apenas as "baladas românticas" gravadas por Satriani nos álbuns anteriores. 

O sexto álbum, intitulado “Joe Satriani” foi lançado 11 de outubro de 1995. 

Em 1996, criou junto com Steve Vai a turnê G3, na qual participa todos os anos desde então ao lado de outros grandes guitarristas virtuosos, como Michael Schenker, Eric Johnson, Andy Timmons, Robert Fripp, Paul Gilbert, John Petrucci, Leslie West, Yngwie Malmsteen. gravando cds e Dvds de algumas apresentações. O primeiro álbum deste projeto, G3: Live in Concert, foi lançado em 1997 nos formatos CD e DVD. O 3o guitarrista, além de Satriani e Vai foi Eric Johnson. A faixa “Summer Song”, nessa versão ao vivo, foi nomeada ao Grammy. 

Em 1998, foi lançado seu oitavo álbum: “Crystal Planet”, produzido por Mike Fraser (G3, Metallica, AC/DC). 

Anos 2000.

Já em 2000, sai “Engines of Creation”, recheado de experimentalismo, expandindo os parâmetros de sua música, incluindo ainda 'misturas' com alguns estilos. Até o drum'n'bass e o hip-hop foram usados. Juntamente com esse álbum, o comprador adquiria também o EP Additional Creations. 

O álbum, quando ouvido pela primeira vez, não parece um típico 'álbum de guitarra', mas, quando Joe entra com seus solos, a mágica ainda está lá. Os elementos eletrônicos do álbum, porém, não foram muito bem vistos pelos fãs. 

Em 2001, seu primeiro álbum solo ao vivo, Live in San Francisco, com boa aceitação do público e da crítica, recebeu a certificação de platina dupla. O disco duplo ao vivo foi gravado na sua cidade natal, na histórica casa de shows 'Fillmore'. Segue o disco, ainda, o lançamento de um DVD duplo, do mesmo show, contendo imagens inéditas da tour e dos backstages. 

Em 2002, chega o inédito “Strange Beautiful Music” no qual Satriani resgatou seu lado mais melódico, dando ênfase nas harmonias e tocando de uma maneira bem ‘clean’. Consequentemente, o músico resgatou também o público que não aceitou “Engines of Creation”, e que passou a lotar novamente suas apresentações. Nesta álbum há a participação de Pia Vai (esposa de Steve Vai) tocando harpa na faixa “Chords Of Life”. 

Em 2003, a coletânea The Electric Joe Satriani: An Anthology foi lançada em um cd duplo. 

“Is There Love in Space?” e “Super Colossal” foram lançados em 2004 e 2006, respectivamente, mantendo o prestígio do guitarrista no meio musical. Em 2014, a revista Guitar World fez uma lista dos "50 discos que definiram o ano de 2004", com Is There Love in Space? aparecendo na 42a posição. 

Sobre o Is There Love in Space?, Satriani afirmou: “Vocês já viram o meu lado virtuose, já viram meu lado blues, já viram meu lado metaleiro, mas esse cd mostra, de uma vez por todas, meu lado rockeiro”. 

Em 2004, o segundo álbum com o G3. G3: Rockin' in the Free World teve o trio formado por Satriani, Vai e Yngwie Malmsteen. O DVD desta turnê foi lançado com o nome G3: Live In Denver. 

No início de 2005, foi disponibilizado na internet um show de Satriani em Anaheim, transmitido pelo quicktime player, não disponível em cd ou dvd, mas que (por ser livre de diretos autorais) aparece rapidamente na internet em formato CD e AVI. Com um setlist que trouxe canções já conhecidas por seus fãs , como “Strange”, “War” e “Morrocan Sunset”, apresentou também, versões com arranjos novos de “Searching” e “Bamboo”, além da sempre dinâmica “Psycho Monkey”. 

Também em 2005, mais um álbum com o G3. G3: Live in Tokyo é composto por Satriani, Vai e John Petrucci. Mesmo ano que foi lançada mais uma coletânea: One Big Rush: The Genius of Joe Satriani. 

Ainda em 2005, compõe e grava as músicas da trilha sonora do jogo eletrônico NASCAR 06: Total Team Control. 

"Fazer música para o novo jogo eletrônico da NASCAR foi desafiador, emocionante, libertador, e muito divertido! Eu toquei a minha guitarra de todas as maneiras imagináveis para transmitir o poder do esporte e da profundidade do jogo"— Joe Satriani, sobre a experiência de compor musicas para um jogo eletrônico. 

Em 2006, o segundo álbum ao vivo de sua carreira solo, "Satriani Live!". 

Em 2008 veio mais um álbum de estúdio: Professor Satchafunkilus and the Musterion of Rock. Também em 2008, a coletânea box Joe Satriani Original Album Classics é lançada, contendo os 5 primeiros discos de estúdio do guitarrista. 

Em 04 de Dezembro de 2008, Satriani entrou com uma ação de violação de direitos autorais contra o grupo “Coldplay” no “Tribunal Distrital da Califórnia”. Nele, Satriani sustentava que a canção do “Coldplay”, “Viva La Vida”, incluía “partes substanciais originais” de sua canção “If I Could Fly”, de seu álbum “Is There Love in Space?”, lançado em 2004. O “Coldplay” negou tudo e uma solução entre as partes equacionou a situação. 

Questionado sobre o Coldplay ter vencido o Grammy com "Viva La Vida", Satriani deu a seguinte declaração: "Estou feliz pelo grupo, e de uma maneira bem estranha, estava feliz por ouvir minha melodia sendo premiada. Porém, estou um pouco confuso que a NARAS (National Academy of Recording Arts & Sciences, Inc.), a organização que cuida do Grammy Awards, possa considerar nomear uma música que sabem que foi bastante contestada. Estas foram as pessoas que votaram no Milli Vanilli, mesmo que este não seja mesmo o trabalho deles, eu acho". 

Década de 2010.

No ano de 2010, mais 2 álbuns. Em fevereiro, o terceiro álbum ao vivo de sua carreira: Live in Paris: I Just Wanna Rock. E em 5 de outubro, o seu 13.º álbum, chamado Black Swans and Wormhole Wizards. 

Em Março de 2010 Satriani participou, juntamente com outros guitarristas, do “Experience Hendrix Tribute Tour”, performance musical escrita e inspirada por Jimi Hendrix. 

Em Maio de 2010, Satriani se juntou a “Sound Strike”, um movimento liderado pelo cantor do “Rage Against The Machine”, Zack de la Rocha, protestando contra o “Arizona SB1070”; como resultado, Satriani recusa-se a tocar ao vivo no Arizona. 

Em 2012, mais um ao vivo: Satchurated: Live in Montreal. Este álbum possui uma taxa de aprovação de 100% do público do Rotten Tomatoes. 

No dia 7 de maio de 2013, Satriani lançou seu 14.º álbum de estúdio, chamado Unstoppable Momentum. A versão deluxe do álbum vinha juntamente com um livro de 98 páginas chamado "Joe's Art 2013 - Joe Satriani Book One", que contém desenhos, rabiscos, e esboços feitos pelo músico. 

Em 2014, lança o box Joe Satriani: The Complete Studio Recordings, composto pelos 14 álbuns de estúdio lançados, e mais Additional Creations And Bonus Tracks, composto por faixas raras e inéditas. No mesmo ano, sua primeira autobiografia é lançada: Strange Beautiful Music: A Musical Memoir contém histórias de sua carreira como músico, além de entrevistas com Steve Vai, com os integrantes do Chickenfoot e outras figuras do meio musical. 

Em 2015, seu 15.º álbum de estúdio é lançado, com o nome Shockwave Supernova. 

No dia 30 de junho de 2015, ele apresentou, exclusivamente na Assembleia Geral da ONU, em Nova York, a música “Music Without Words”, inédita até então, composta juntamente com o diretor musical Robin DiMaggio. A música foi apresentada acompanhada de um vídeo produzido especialmente para o momento[26] pelo cineasta Ramin Ouladi No dia 09 de Novembro de 2015, o vídeo foi disponibilizado para o público pelo Yahoo!. A música também foi disponibilizada no mesmo dia para download, e os fundos arrecadados com as vendas serão todos doados a UNICEF. 

Chickenfoot.

Em 2008, Satriani se juntou a Sammy Hagar e Michael Anthony, ambos ex-Van Halen, e Chad Smith, do Red Hot Chili Peppers, e formou o supergrupo Chickenfoot. 

"Desde 2008, quando me tornei membro da banda, tem sido uma grande experiência para mim. Eu costumo dizer para os caras que isso realmente me fez sentir de volta aos tempos de colégio. Sabe, garoto de 15 anos tocando em uma banda da cidade"— Satriani, em entrevista o Jornal da Globo. 

Desde então ele se divide entre as duas carreiras e não consegue mais escolher entre uma e outra. "Eu prefiro as duas. São muito diferentes e as duas me fazem ser criativo e me mantém empenhado o tempo todo", afirma. 

Em 2009, o primeiro álbum do supergrupo, intitulado Chickenfoot, foi lançado.
Em Abril de 2010, o supergrupo participa de um episódio da série animada de televisão “Aqua Teen Hunger Force”. 

2 anos após o lançamento do primeiro álbum, Chickenfoot III é lançado. Este álbum rendeu ao supergrupo vários prêmios. 

Sua atividade solo frenética contribuiu para atrasar a produção de mais material inédito do supergrupo, que não lança nada inédito desde Chickenfoot III. "Sou parcialmente culpado por causa de minha agenda atribulada", disse Satriani no final de 2014 . 

Outros Trabalhos.

Satriani também possui participações em outros álbuns, dentre os quais o de Alice Cooper "Hey Stoopid"(1991), "Spinal Tap's Break Like the Wind" (1992), Blue Öyster Cult "Imaginos"(1988). Fato interessante é que em 1986 fez backing vocals no álbum de estreia do Crowded House. 

Em 2003, tocou guitarra no CD de lançamento do Yardbirds “Birdland”. Em 2006, gravou várias faixas do CD/DVD "Gillan's Inn", do vocalista do Deep Purple Ian Gillan. 

No álbum de 2007 do “Dream Theater”, “Systematic Chaos”, Satriani contribuiu com a letra da canção "Repentance". Satriani contribuiu com um solo de guitarra no álbum de Jordan Rudess (tecladista do “Dream Theater”), lançado em 2004, “Rhythm Of Time”. Ele também compôs grande parte da trilha sonora para o jogo de corrida “NASCAR 06: Total Team Control” e contribuiu para o “Sega Rally Championship”. 

Satriani apareceu no filme de Christopher Guest, “For You Consideration”, de 2006, como o guitarrista da banda que tocou para o show de fim de noite. 

Em 2011, Satriani faz uma aparição no filme O Homem Que Mudou o Jogo. Ele aparece no filme tocando o hino dos EUA. 

G4 Experience.

Desde 2014, Satriani trabalha com o projeto G4 Experience, onde ele e mais 3 renomados guitarristas fazem uma espécie de "acampamento de música" que combina entretenimento, aprendizagem e uma experiência de férias, uma vez que os músicos dão aulas diárias e sessões musicais. Produzido pela Dreamcatcher Events, o G4 Experience é uma extensão da turnê do G3. 

"Em 1996, eu queria encontrar uma maneira de trabalhar com os guitarristas que eu admirava e lançamos a primeira turnê G3. Desde então, tenho desfrutado incontáveis ​​horas tocando e 'experimentando' os talentos incríveis de meus parceiros. O G4 Experience é a minha chance de expandir a ideia do G3.

Eu sei que esses 3 caras que convidei tocam incrivelmente bem e eu quero que eles possam compartilhar esse conhecimento com os convidados e comigo!"— Satriani, explicando o projeto G4 Experience. 

Caridade e Filantropia.

Em 2006, Satriani assinou um contrato de suporte com a “Little Rock Kids”, uma organização sem fins lucrativos que fornece instrumentos musicais gratuitos e instrução para crianças em escolas públicas carentes de todo os EUA. Ele entregou pessoalmente instrumentos para crianças do programa, através de um sorteio realizado pela organização e, como Steve Vai, faz parte de seu Conselho de Administração, como membro honorário. 

No dia 15 de maio de 2015, Satriani participou da segunda edição do "Acoustic-4-A-Cure", evento cuja renda é revertida a um centro de pesquisas para o tumor cerebral. 

Técnica e influência.

"Eu quero ouvir a coisa mais simples e mais devastadora. Isso que eu aspiro. Eu gosto de esconder a técnica e fazer o ouvinte pensar que é fácil de se tocar."— Joe Satriani. 

Em 2013, numa entrevista dada a Peter Hodgson do site Gibson.com, Sammy Hagar comparou Satriani a Eddie Van Halen (Sammy trabalhou com Eddie no Van Halen, e com Satriani no Chickenfoot). E declarou que Satriani é melhor, pois “é mais versátil e fluente. Joe pode tocar qualquer coisa, Eddie não.

Quando compomos juntos, ele me mostra acordes que eu nem conheço”.
Satriani é amplamente reconhecido como um virtuoso guitarrista de rock pela sua habilidade invejável. Ele domina muitas técnicas sobre o instrumento, incluindo legato, two-handed tapping e arpejo, volume swells (ondas de volume), harmônicas e extrema whammy bar effects. 

Durante passagens rápidas, Satriani aplica uma técnica de legago (alcançada principalmente através de hammer-ons e pull-offs) que produz acorde suave e fluido. Tem como uma das características de sua marca de composição o uso da chamada Pitch axis theory, que ele aplica com uma variedade de modos. No álbum Not of This Earth, a canção "The Enigmatic", é inteiramente tocada com a chamada "Escala Enigmática" - daí o nome da canção. 

Ele também é adepto de outras técnicas relacionadas com a velocidade, como “rapid alternative picking” (separação alternativa rápida) e “sweep picking”. 

Satriani faz abordagens de escalas e solos de forma diferente, usando o que ele denominou de "escala linear", movendo-se em passagens extremamente técnicas. Satriani se enquadra na categoria dos virtuosos da guitarra que primeiramente atingiu a velocidade através de hammer-ons e pull-offs, ao contrário de guitarristas que incluem linhas com palhetadas muito rápidas e alternadas como Al Di Meola, Yngwie Malmsteen e Michael Angelo Batio. Ezio Jemma, colunista do Guia da Semana, escreveu que "Joe não é o cara que toca semicolcheias a 300 BPM ou joga a guitarra no chão durante sua performance. A mistura de feeling com técnicas apuradas compõem um estilo único que inspirou e inspira gerações de guitarristas, inclusive as “crias” de Satriani, como Steve Vai. 

A revista de guitarra alemã Fuzz diz que "quanto aos two-hands (tappings), Joe é melhor na palheta do que nos dedos em seus tappings. Isso é um ponto fraco em Joe, que apesar de não ser tão bom em two-hands com os dedos, é um mestre nisso com as palhetas." 

Satriani , da mesma forma que Steve Vai, Yngwie Malmsteen e outros guitarristas que incorporam velocidade e precisão técnica, tem sido criticado por aqueles que preferem estilos mais simples de composição. 

Seu sucesso é notável em um gênero tipicamente hostil aos músicos instrumentais. Satriani já recebeu 15 indicações ao Grammy Awards e vendeu mais de 10 milhões de discos no mundo inteiro. Muitos de seus fãs o chamam de "Satch", uma forma abreviada de Satriani, assim como os seus amigos de muitos anos. A canção "Satch Boogie", do álbum "Surfing With the Alien" é uma das várias centenas de canções numeradas, mas sem nomes, como "Satch Boogie 1", "Satch Boogie 143", etc. Muitos guitarristas se referem a ele como "Saint Joe". 

Equipamentos.

Satriani usa uma variedade de equipamentos. A maioria das suas guitarras são Ibanez, incluindo a JS100, JS1000, e JS1200 que geralmente apresentam captação DiMarzio PAF Joe ou PAF Pro na posição do captador do braço e um DiMarzio Fred ou Mo Joe na ponte. As guitarras Ibanez JS fazem parte da sua linha de assinatura e apresentam o Edge Pro, que é o sistema de trêmolo exclusivo da Ibanez. O espelho de prata da guitarra que ele usou no DVD “Live in San Francisco” é chamado Chrome Boy, por razões óbvias. 

Satriani usou uma grande variedade de amplificadores de guitarra ao longo dos anos, como o Marshall em 2001, mas decidiu adotar apenas dois JSXs Peavey: Um para apresentações e o outro como backup, porem em 2012 lançou uma nova linha de amplificadores pela Marshall. Seus pedais de efeitos incluem o alguns pedais signature da vox, Digitech Whammy, BOSS DS-1, Fulltone Ultimate Octave, e Electro-Harmonix POG (Polyphonic Octave Generator). 

Satriani também fez uma parceria com a Planet Waves para criar uma linha de assinatura de palhetas e correias de guitarra com sua arte. 

Temas recorrentes.

O trabalho de Satriani frequentemente faz referências a várias histórias e ideias de ficção científica. Ele produziu alguns de seus trabalhos tendo como base criativa o Surfista Prateado, do Universo Marvel, sendo o mais famoso "Surfing with the Alien". No decorrer de sua carreira, Satriani também teve outras composições relacionadas com a saga desse “viajante espacial”, como "Back to Shalla-Bal" (clara referência ao personagem Shalla-Bal), do álbum Flying in a Blue Dream (1989), e "The Power Cosmic 2000 part.I e part.II" do Engines of Creation (2000). Continuando, a canção "Ice 9" refere-se a arma de gelo secreta do governo. "Sex Borg" é uma referência a Star Trek, que possui uma raça homogênea cibernética conhecida como Borg. Além disso, seus álbuns e canções, muitas vezes têm títulos de outro mundo, como "Not of This Earth", "Crystal Planet", "Is There Love in Space?", e o já mencionado "Engines of Creation". No álbum Super Colossal a canção intitulada "Crowd Chant" foi originalmente chamada de "Party on the Enterprise", em alusão a USS Enterprise (Star Trek). A música continha sons e barulhos da nave Enterprise, da série de televisão Star Trek. Mas, como Satriani explicou, problemas na justiça não puderam ser resolvidos e ele não conseguiu permissão para usar os sons. Assim, ele removeu os sons da música, e a chamou de “Crowd Chant”, que é usada como música de celebração dos gols de várias equipes de Hockey, tais como: Minnesota Wild, New York Islanders, e até de futebol, como New England Revolution. A canção é inclusive tema do jogo eletrônico de hockey NHL 2k10. Texto: Wikipédia. Site Oficial. 

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


The Joe Satriani (EP 1984)
 
01. Talk To Me (3:30)
02. Dreaming #11 (3:38)
03. Banana Mango (2:44)
04. I Am Become Death (3:56)
05. Saying Goodbye (2:55)


Not Of This Earth (1986)
 
01. Not Of This Earth (4:04)
02. The Snake (4:43)
03. Rubina (5:57)
04. Memories (4:06)
05. Brother John (2:11)
06. The Enigmatic (3:27)
07. Driving At Night (3:34)
08. Hordes Of Locusts (4:59)
09. New Day (3:52)
10. The Headless Horseman (1:53)


Surfing With The Alien (1987)
 
01. Surfing With The Alien (4:25)
02. Ice 9 (4:00)
03. Crushing Day (5:15)
04. Always With Me, Always With You (3:22)
05. Satch Boogie (3:14)
06. Hill Of The Skull (1:49)
07. Circles (3:29)
08. Lords Of Karma (4:48)
09. Midnight (1:43)
10. Echo (5:38)


Dreaming #11 (EP 1988)
 
01. The Crush Of Love (4:24)
02. Ice Nine (4:42)
03. Memories (9:09)
04. Hordes Of Locusts (5:12)


Flying In A Blue Dream (1989)
 
01. Flying In A Blue Dream (5:23)
02. The Mystical Potato Head Groove Thing (5:10)
03. Can't Slow Down (4:50)
04. Headless (1:30)
05. Strange (5:03)
06. I Believe (5:54)
07. One Big Rush (3:25)
08. Big Bad Moon (5:15)
09. The Feeling (0:51)
10. The Phone Call (3:01)
11. Day At The Beach (New Rays From An Ancient Sun) (2:04)
12. Back To Shalla-Bal (3:14)
13. Ride (4:57)
14. The Forgotten (Part One) (1:12)
15. The Forgotten (Part Two) (5:08)
16. The Bells Of Lal (Part One) (1:19)
17. The Bells Of Lal (Part Two) (4:08)
18. Into The Light (2:30)


The Extremist (1992)
 
01. Friends (3:29)
02. The Extremist (3:43)
03. War (5:48)
04. Cryin' (5:43)
05. Rubina's Blue Sky Happiness (6:11)
06. Summer Song (5:00)
07. Tears In The Rain (1:19)
08. Why (4:45)
09. Motorcycle Driver (4:58)
10. New Blues (6:57)


The Satch (EP 1993)
 
01. The Extremist (3:43)
02. Banana Mango (6:15)
03. Summer Song (4:59)
04. Crazy (4:10)


Time Machine (1993)
 
CD 1: Studio.

01. Time Machine (5:07)
02. The Mighty Turtle Head (5:12)
03. All Alone (Also Known as Left Alone) (4:23)
04. Banana Mango II (6:06)
05. Thinking Of You (3:58)
06. Crazy (4:06)
07. Speed Of Light (5:14)
08. Baroque (2:17)
09. Dweller On The Threshold (4:15)
10. Banana Mango (2:44)
11. Dreaming #11 (3:38)
12. I Am Become Death (3:56)
13. Saying Goodbye (2:55)
14. Woodstock Jam (16:08)

CD 2: Live.

01. Satch Boogie (3:58)
02. Summer Song (6:01)
03. Flying In A Blue Dream (5:24)
04. Cryin' (6:26)
05. The Crush Of Love (5:47)
06. Tears In The Rain (1:51)
07. Always With Me, Always With You (3:40)
08. Big Bad Moon (5:23)
09. Surfing With The Alien (4:39)
10. Rubina (6:44)
11. Circles (4:14)
12. Drum Solo (2:15)
13. Lords Of Karma (5:43)
14. Echo (7:50)


The Beautiful Guitar (Coletânea 1993)
 
01. Cryin' (5:44)
02. Always With Me, Always With You (3:24)
03. Thinking Of You (3:57)
04. The Crush Of Love (4:22)
05. I Believe (5:54)
06. Rubina (5:55)
07. Tears In The Rain (1:20)
08. All Alone (4:24)
09. Why (4:47)
10. Echo (5:39)
11. Midnight (1:44)
12. Rubina's Blue Sky Happiness (6:10)
13. Day At The Beach (2:06)
14. Saying Goodbye (2:51)


Deep Purple & Joe Satriani - Flying In A Purple Dream (1993)
 
CD 1.

01. Introduction
02. Highway Star
03. Ramshackle Man
04. Black Night
05. Maybe I’m A Leo
06. A Twist In The Tale
07. Perfect Strangers
08. Pictures Of Home
09. Knocking At Your Backdoor
10. Anyone’s Daughter
11. Child In Time

CD 2.

01. Anya
02. The Battle Rages On
03. When A Blind Man Cries
04. Lazy (Incl. Drum Solo)
05. Space Truckin’
06. Woman From Tokyo
07. Paint It Black
08. Space Truckin’ Continued
09. Hush
10. Speed King
11. Smoke On The Water


(You're) My World (Single 1995)
 
01. (You're) My World (3:56)


Joe Satriani (1995)
 
01. Cool #9 (6:02)
02. If (4:51)
03. Down, Down, Down (6:16)
04. Liminouse Flesh Giants (5:58)
05. S.M.F. (6:45)
06. Look My Way (4:03)
07. Home (3:30)
08. Moroccan Sunset (4:25)
09. Killer Bee Bop (3:50)
10. Slow Down Blues (7:26)
11. (You`re) My World (3:59)
12. Sittin` Round (3:38)
Bonus Tracks.
13. Cryin (5:46)
14. Rubina`s Blue Sky Happiness (6:12)


Crystal Planet (1998)
 
01. Up In The Sky (4:10)
02. House Full Of Bullets (5:33)
03. Crystal Planet (4:35)
04. Love Thing (3:50)
05. Trundrumbalind (5:13)
06. Lights Of Heaven (4:24)
07. Raspberry Jam Delta-V (5:22)
08. Ceremony (4:53)
09. With Jupiter In Mind (5:47)
10. Secret Prayer (4:27)
11. A Train Of Angels (3:43)
12. A Piece Of Liquid (3:04)
13. Psycho Monkey (4:37)
14. Time (5:05)
15. Z.Z.'s Song (3:01)


Additional Creations (EP 2000)
 
01. Borg Sex (Radio Mix) (3:33)
02. Turkey Man (6:50)
03. Flavor Crystal 7 (Radio Mix) (3:50)
04. Until We Say Goodbye (Techno Mix) (5:31)


Engines Of Creation (2000)
 
01. Devil's Slide (5:11)
02. Flavor Crystal 7 (4:26)
03. Borg Sex (5:28)
04. Until We Say Goodbye (4:32)
05. Attack (4:23)
06. Champagne? (6:05)
07. Clouds Race Across The Sky (6:15)
08. The Power Cosmic 2000 - Part I (2:10)
09. The Power Cosmic 2000 - Part II (4:23)
10. Slow And Easy (4:44)
11. Engines Of Creation (5:58)

Live In San Francisco (2001)
 
CD 1.

01. Time (8:10)
02. Devil's Slide (4:44)
03. The Crush of Love (5:04)
04. Satch Boogie (5:28)
05. Borg Sex (5:29)
06. Flying in a Blue Dream (6:41)
07. Ice 9 (4:54)
08. Cool #9 (6:16)
09. Circles (4:20)
10. Until We Say Goodbye (5:37)
11. Ceremony (5:57)
12. The Extremist (3:39)
13 Summer Song (8:46)

CD 2.

01. House Full of Bullets (6:56)
02. One Big Rush (4:06)
03. Raspberry Jam Delta-V (6:53)
04. Crystal Planet (6:02)
05. Love Thing (3:48)
06. Bass Solo (6:28)
07. The Mystical Potato Head Groove Thing (6:24)
08. Always With Me, Always With You (3:51)
09. Big Bad Moon (6:33)
10. Friends (4:08)
11. Surfing With the Alien (9:17)
12. Rubina (8:08)

Strange Beautiful Music (2002)
 
01. Oriental Melody (3:56)
02. Belly Dancer (5:03)
03. Starry Night (3:55)
04. Chords Of Life (4:14)
05. Mind Storm (4:13)
06. Sleep Walk (2:46)
07. New Last Jam (4:20)
08. Mountain Song (3:31)
09. What Breaks A Heart (5:20)
10. Seven String (4:03)
11. Hill Groove (4:10)
12. The Journey (4:09)
13. The Traveler (5:40)
14. You Saved My Life (5:02)


The Electric Joe Satriani: An Anthology (2003)
 
CD 1.

01. Surfing With The Alien (4:26)
02. Satch Boogie (3:14)
03. Always With Me, Always With You (3:23)
04. Crushing Day (5:16)
05. Flying In A Blue Dream (5:24)
06. The Mystical Potato Head Groove Thing (5:11)
07. I Believe (5:53)
08. Big Bad Moon (5:17)
09. Friends (3:30)
10. The Extremist (3:45)
11. Summer Song (4:59)
12. Why (4:47)
13. Time Machine (5:08)
14. Cool #9 (6:01)
15. Down, Down, Down (6:11)
 

CD 2.

01. The Crush Of Love (4:22)
02. Ceremony (4:54)
03. Crystal Planet (4:36)
04. Raspberry Jam Delta-V (5:23)
05. Love Thing (3:52)
06. Borg Sex (5:29)
07. Until We Say Goodbye (4:33)
08. Devil's Slide (5:11)
09. Clouds Race Across The Sky (6:14)
10. Starry Night (3:55)
11. Mind Storm (4:12)
12. Slick (3:43)
13. The Eight Steps (5:46)
14. Not Of This Earth (3:59)
15. Rubina (5:52)


Is There Love In Space? (2004)
 
01. Gnaahh (3:33)
02. Up In Flames (4:33)
03. Hands In The Air (4:28)
04. Lifestyle (4:35)
05. Is There Love In Space? (4:51)
06. If I Could Fly (6:31)
07. The Souls Of Distortion (4:58)
08. Just Look Up (4:51)
09. I Like The Rain (4:00)
10. Searching (10:07)
11. Bamboo (5:47)


Super Colossal (2006)
 
01. Super Colossal (4:15)
02. Just Like Lightnin' (4:02)
03. It's So Good (4:15)
04. Redshift Riders (4:50)
05. Ten Words (3:29)
06. A Cool New Way (6:13)
07. One Robot's Dream (6:16)
08. The Meaning Of Love (4:35)
09. Made Of Tears (5:33)
10. Theme For A Strange World (4:40)
11. Movin' On (4:06)
12. A Love Eternal (3:34)
13. Crowd Chant (3:15)

Link.

Satriani Live! (2006)
 
CD 1.

01. Flying In A Blue Dream (4:46)
02. The Extremist (3:40)
03. Redshift Riders (8:39)
04. Cool #9 (8:02)
05. A Cool New Way (10:00)
06. Satch Boogie (5:18)
07. Super Colossal (4:18)
08. Just Like Lightnin' (5:01)
09. Ice 9 (4:28)
10. One Robot's Dream (8:02)

CD 2.

01. Ten Words (3:36)
02. The Mystical Potato Head Groove Thing (7:37)
03. The Meaning of Love (4:59)
04. Made of Tears (10:23)
05. Circles (9:49)
06. Always With Me, Always With You (9:44)
07. Surfing With The Alien (7:48)
08. Crowd Chant (3:14)
09. Summer Song (9:12)


Professor Satchafunkilus And The Musterion Of Rock (2008)
 
01. Musterion (4:38)
02. Overdriver (5:07)
03. I Just Wanna Rock (3:27)
04. Professor Satchafunkilus (4:48)
05. Revelation (5:57)
06. Come On Baby (5:49)
07. Out Of The Sunrise (5:43)
08. Diddle-Y-A-Doo-Dat (4:16)
09. Asik Vaysel (7:42)
10. Andalusia (6:52)


Black Swans And Wormhole Wizards (2010)
 
01. Premonition (3:53)
02. Dream Song (4:49)
03. Pyrrhic Victoria (5:08)
04. Light Years Away (6:11)
05. Solitude (0:58)
06. Littleworth Lane (3:46)
07. The Golden Room (5:19)
08. Two Sides To Every Story (4:10)
09. Wormhole Wizards (6:27)
10. Wind In The Trees (7:42)
11. God Is Crying (4:53)
Bonus Tracks.
12. Heartbeats (3:30)
13. Longing (3:56)


Live In Paris: I Just Wanna Rock (2010)
 
CD 1.

01. I Just Wanna Rock (3:53)
02. Overdriver (5:18)
03. Satch Boogie (4:36)
04. Ice 9 (4:38)
05. Diddle-Y-A-Doo-Dat (4:15)
06. Flying In A Blue Dream (5:40)
07. Ghosts (4:52)
08. Revelation (6:31)
09. Super Colossal (4:26)
10. One Big Rush (3:38)
11. Musterion (4:53)
12. Out Of The Sunrise (6:28)

CD 2.

01. Time Machine (8:46)
02. Cool #9 (6:06)
03. Andalusia (6:49)
04. Bass Solo (6:31)
05. Cryin' (6:42)
06. Mystical Potato Head Groove Thing (5:53)
07. Always With Me, Always With You (9:01)
08. Surfing With The Alien (6:16)
09. Crowd Chant (3:27)
10. Summer Song (8:05)


The Essential Joe Satriani (2010)
 
CD 1.

01. Not Of This Earth (3:58)
02. Rubina (5:52)
03. Surfing With The Alien (4:25)
04. Satch Boogie (3:13)
05. Always With Me, Always With You (3:22)
06. The Crush Of Love (4:20)
07. Flying In A Blue Dream (5:23)
08. The Mystical Potato Head Groove Thing (5:09)
09. I Believe (5:51)
10. Friends (3:29)
11. Summer Song (4:58)
12. Why (4:45)
13. Time Machine (5:07)
14. Cool #9 (5:59)
15. S.M.F. (6:43)

CD 2.

01. Ceremony (4:52)
02. Crystal Planet (4:34)
03. Raspberry Jam Delta-V (5:21)
04. Borg Sex (5:27)
05. Until We Say Goodbye (4:31)
06. Clouds Race Across The Sky (6:12)
07. Starry Night (3:53)
08. Mind Storm (4:12)
09. If I Could Fly (6:31)
10. Is There Love In Space? (4:51)
11. Super Colossal (4:14)
12. One Robot's Dream (6:16)
13. Revelation (5:56)
14. Andalusia (6:51)
15. Ghosts (4:29)
 


Satchurated: Live In Montreal (2012)
 
CD 1.

01. Ice 9 (5:15)
02. Hordes Of Locusts (4:55)
03. Flying In A Blue Dream (6:33)
04. Light Years Away (6:27)
05. Memories (8:57)
06. War (6:32)
07. Premonition (4:27)
08. Satch Boogie (4:58)
09. Revelation (7:48)
10. Pyrrhic Victoria (5:15)
11. Crystal Planet (5:43)
12. The Mystical Potato Head Groove Thing (6:52)
13. Dream Song (4:57)

CD 2.

01. God Is Crying (8:06)
02. Andalusia (6:22)
03. Solitude (1:00)
04. Littleworth Lane (3:47)
05. Why (7:09)
06. Wind In The Trees (9:03)
07. Always With Me, Always With You (3:50)
08. Big Bad Moon (9:08)
09. Crowd Chant (3:45)
10. Summer Song (8:27)

Bonus Tracks.
11. Two Sides To Every Story (4:14)
12. The Golden Room (7:19)


Unstoppable Momentum (2013)
 
01. Unstoppable Momentum (5:14)
02. Can't Go Back (3:59)
03. Lies And Truths (4:45)
04. Three Sheets To The Wind (3:22)
05. I'll Put A Stone On Your Cairn (1:43)
06. A Door Into Summer (4:17)
07. Shine On American Dreamer (4:46)
08. Jumpin' In (5:11)
09. Jumpin' Out (3:52)
10. The Weight Of The World (5:07)
11. A Celebration (2:47)

The Complete Studio Recordings: Additional Creations And Bonus Tracks (2014)
 
01. The Crush Of Love (Dreaming #11 EP) (4:18)
02. Time Machine (Remix) (5:08)
03. Cool #9 (Alternate) (5:35)
04. Luminous Flesh Giants (Alternate) (6:06)
05. Borg Sex (Rock Mix-Additional Creations EP) (5:14)
06. Turkey Man (Additional Creations EP) (6:48)
07. Flavour Crystal 7 (Rock Mix-Additional Creations EP) (4:27)
08. Until We Say Goodbye (Techno Mix-Additional Creations EP) (5:33)
09. Slick (The Electric Joe Satriani: An Anthology) (3:43)
10. The Eight Steps (The Electric Joe Satriani: An Anthology) (5:47)
11. Dog With Crown & Earring (Is There Love In Space? Japan edition) (4:32)
12. Tumble (Digital single) (3:47)
13. Ghosts (Professor Satchafunkilus and the Musterion of Rock) (4:30)
14. Heartbeats (Professor Satchafunkilus and the Musterion of Rock) (3:27)
15. Longing (Professor Satchafunkilus and the Musterion of Rock) (3:58)
16. ZZ's Song (Alternate) (3:06)
 


Shockwave Supernova (2015)
 
01. Shockwave Supernova (3:53)
02. Lost In A Memory (4:16)
03. Crazy Joey (3:40)
04. In My Pocket (4:16)
05. On Peregrine Wings (5:26)
06. Cataclysmic (5:06)
07. San Francisco Blue (3:22)
08. Keep On Movin' (4:26)
09. All Of My Life (4:06)
10. A Phase I'm Going Through (4:03)
11. Scarborough Stomp (4:04)
12. Butterfly And Zebra (1:48)
13. If There Is No Heaven (5:11)
14. Stars Race Across The Sky (4:48)
15. Goodbye Supernova (5:48)

Link.

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

G3 (Turnês).

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

24 comentários :

  1. Agradecido pelos links.
    Estava procurando o álbum de 2010 com uma qualidade boa. Massa mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Esse sim é um guitarrista de respeito vlw alex pela discografia

    ResponderExcluir
  3. Marcos Lima13/08/2011 19:36

    Um dos meus favoritos guitar heroes desde 1987, G3 é muito bom, musica instrumental é fundamental, boa música não precisa de letra!!!

    ResponderExcluir
  4. Daniel S. Alves18/08/2011 14:36

    Valeu pelo trabalho de disponibilizar todas essas músicas excelentes.
    Esse site é quase uma escola para melhorar o gosto musical.

    ResponderExcluir
  5. A boa música não precisa de letra, mas também a boa letra não a prejudica. A questão é que vejo muitas boas músicas e não tenho coragem de olhar a tradução, porque na maioria das vezes a letra não corresponde. Gostei de Joe Satriani, vou baixar. Valeu.

    ResponderExcluir
  6. Este blog é uma das coisas mais preciosas que já encontrei na net, e venho navegando desde 1997, qndo mp3 ainda era algo raro de se achar e só havia midi por toda parte.
    Valew big Alex!

    ResponderExcluir
  7. Excelente site amigo !! Muito Obrigado

    ResponderExcluir
  8. O bom e velho rocn n' roll nunca será esquecido. E vcs estão eternizando kda vez mais. Parabéns a todos!

    ResponderExcluir
  9. Muito Bom valeu a contribuição para nós bangers.
    obrigado

    ResponderExcluir
  10. Valeu, muito bom cara!

    ResponderExcluir
  11. Eu vi que sua conta foi deletada, mas de qualquer jeito um puta obrigado por tudo que você tem feito!
    Acompanho o blog desde o "numero 2" e vejo seu esforço!
    Obrigado por ajudar a levar boa musica á todos!

    ResponderExcluir
  12. Parabéns! pelo blog e pelo nome coerente, faz tempo que eu acompanho e estou vendo como é difícil derrubar o MURO!
    valeuss

    ResponderExcluir
  13. Sou velho frequentador do Muro, mais uma vez PARABENS ne?! De vez em quando procuro musica para escutar, então venho aqui no muro do classic rock. Agora com o Mega de volta esta maravilhosa discografia baixou muito rápido embora tenha certos discos que não deu de baixar não sei por que, talvez Mega esteja com algum problema, esperemos que se solucione, mais uma vez obrigado Alex.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Complementando o meu comentário anterior hoje consegui baixar os discos que faltavam desta discografia e com muita boa velocidade e sem nenhum problema. O Mega ata funcionando a full. Valeu.

      Excluir
  14. comecei Not Of This Earth (1986) e não parei mais. :=)))))))))))))


    Rafael Mosso/PA

    ResponderExcluir
  15. gracias, es un guitarrista genial.

    ResponderExcluir
  16. uma puta banda só poderia encontrar em um puta site

    ResponderExcluir
  17. Átila Ribeiro20/01/2016 15:58

    Não apenas um dos maiores guitarristas da história , mas um dos maiores gênios da música mundial , comprovando SIM que uma letra na arte da música é totalmente desnecessária , embora às vezes pode ser bom , pra mim esse cara é comparável a um Bach ou Beethoven , eu só conhecia os discos até o "Engines of Creation" e me surpreendi muito quando baixei o resto da discografia e me deparei com as outras obras-primas desse grande Mestre , a sua música é maravilhosa e MUITO profunda , realmente uma enorme contribuição para elevar a vibração desse planeta ; muito obrigado por mais essa Alex !!!

    ResponderExcluir
  18. Este site é simplesmente fantástico. o Joe é fenomenal.

    ResponderExcluir
  19. Valeu, de mais Joe Satriani.

    ResponderExcluir
  20. Obrigado, Alex, todos os links são restaurados!
    Valeu!

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.